ENVIE SUA SUGESTÃO

Quer ver a análise de algum produto? Envie uma sugestão!


 

SEJA UM COLABORADOR

Se você tem interesse em ser nosso colaborador e escrever para o Testado Aqui, entre em contato conosco agora.


Razer-Electra-(64)
Testado Aqui

 

1

Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInShare on Google+Email this to someoneShare on Facebook

 

 

 

A Razer é conhecida principalmente entre os gamers por ser muito especializada em acessórios de alta performance, diferente de outras empresas que possuem apenas algumas linhas focadas neste segmento. Por esta razão se torna referência em acessórios com design atraente, excelentes acabamento e, consequentemente, no alto preço que esta qualidade e performance exigem.

O produto testado hoje não foge desta regra; é voltado para gamers e entusiastas: o Razer Electra. Trata-se de um headphone mais simples, de forma a alcançar aqueles que não procuram por algo com muitas funcionalidades e por um “preço mais acessível”, em comparação com seus outros produtos. O Electra foi desenvolvido para ser usado por gamers, mas sua utilidade maior deverá ser para ouvir música em smartphones, notebooks e qualquer outro dispositivo móvel, tendo em vista que seu cabo curto dificulta a utilização em aparelhos que ficam um pouco mais afastados, como os computadores de mesa onde o conector do áudio fica na parte traseira.

Testamos o fone por 2 semanas e descreveremos abaixo nossas impressões, que vão desde o conforto ao desempenho e suas funcionalidades. Após finalizar a leitura, não se esqueça de registrar a sua opinião sobre o acessório em nossa seção de comentários.

 

Características Técnicas

 
Fones de Ouvido

  • Direcionadores: 40 mm, magnetos de neodímio com bobina de voz de alumínio com revestimento de cobre
  • Frequência de resposta: 25 a 16,000 Hz
  • Impedância: 32 Ω
  • Sensibilidade a 1kHz: 104 dB ± 3 dB
  • Alimentação de entrada: 50 mW
  • Cabo: Cabo revestido de borracha (1,3 m)
  • Conector: Entrada de 3,5 mm para fones de ouvido com revestimento dourado
  • Diâmetro interno do copo da orelha: 55 mm / 2.16”
  • Comprimento do cabo: 1.3 m / 4.27 ft
  • Peso aproximado: 284 g / 0.63 lbs

Microfone

  • Frequência de resposta: 100 – 10,000 Hz
  • Relação sinal-ruído: 58dB
  • Sensibilidade (a 1kHz): -44 dB +/-4 dB
  • Padrão polar: omnidirecionais

 

Design, material e acabamento

A série Electra traz o fone em duas versões de cores: preto e verde e outra totalmente preta. O modelo que testamos é totalmente preto, deixando o fone com um ar mais requintado e menos chamativo; já o fone preto e verde se destaca com maior facilidade quando você esta com ele na cabeça, devido sua alça ser totalmente apresentada em cor verde limão, o que pode não agradar alguns.

O Razer Electra se diferencia da maioria dos fones pelo fato de suas conchas possuírem um formato quadrado, enquanto, no geral, os demais fones são mais arredondadas. No restante do conjunto, o fone segue sua proposta inicial: nada de muitas cores, iluminações e leds ou curvas extravagantes. Embora para muitos, o que diferencia um fone gamer para entusiasta de um fone comum é justamente a extravagância das cores e do design cheio de curvas, este fone da Razer veio para agradar também aqueles que preferem algo mais discreto e menos chamativo.

 
Razer-Electra-1

Todavia isto acaba sendo um pouco contraditório, tendo em vista que o fone, embora tenha sido feito para jogos, tem sua maior utilidade focada em dispositivos móveis. Por este motivo, sair na rua com um fone relativamente grande e nas cores preto e verde limão não necessariamente se passaria por discreto. Ainda assim, há o lado de quem jogará apenas em casa ou ambientes fechados, que então poderá utilizar seu fone sem chamar tanta atenção.

O fone possui a maior parte da sua estrutura em plástico duro e nem por isto vem a ser algo de má qualidade; muito pelo contrário: o torna mais resistente. Na parte externa das conchas, a Razer destaca sua logo em preto brilhante contrastando com o fosco com plástico.

 
Razer-Electra-2

Suas alças são revestidas com um acolchoamento de espumas macias que não incomodam na cabeça. Na parte superior da alça, a Razer coloca seu nome sob quase toda a extensão do arco, deixando assim, de forma bem visível sua identidade.

 
Razer-Electra-3

As almofadas dos fones são extremamente confortáveis e encaixam perfeitamente ao redor das orelhas. Revestidas de couro sintético e com espumas super macias em seu interior elas cobrem toda a concha do fone, que por sua vez possuem um sistema de inclinação que amortecem o impacto das vibrações do fone, caso a música (ou o jogo) estiver em um volume muito elevado.

Conforto

O Razer Electra é super confortável; seja para ouvir músicas ou jogar por várias horas, você não sentirá desconforto algum. Conforme destacamos acima, suas almofadas são extremamente confortáveis e encaixam perfeitamente nas orelhas, mesmo para aqueles que as possuem um pouco grandes. As conchas do fone, diferentemente da maioria dos headphones, é retangular e com isto a abertura para o encaixe das orelhas fica um pouco maior.

 
Razer-Electra-4

Assim como a maioria dos fones da marca, o Electra também traz um ajuste de regulagem da alça. Isto facilita para quem necessita de uma regulagem mais frouxa para a cabeça ou mesmo para quem gosta de utilizar fones de ouvido com maior pressão sobre as orelhas para obter maior imersão no jogo. Vale lembrar que o ajuste de regulagem serve também para evitar uma pressão muito forte e evitar dores de cabeça.

 
Razer-Electra-5

Para completar o quesito conforto, a Razer também caprichou na alça do fone, revestindo-a com uma espuma macia na parte de baixo, onde há o contato com a cabeça, e com couro sintético na parte de cima. Quem costuma usar boné ou até mesmo é calvo, a espuma não deixa a parte de plástico machucar a cabeça evitando assim um desconforto durante a utilização. Há também o caso de quem costuma deixar o fone no pescoço enquanto joga ou realiza outras atividades, o que com certeza não não sentirá nenhuma incomodação.

Qualidade Sonora

Mesmo sendo desenvolvido como um headphone gamer, o Electra acaba sendo mais interessante para ouvir músicas do que para jogar, principalmente se a sua preferência musical for hip hop ou rap. O fone apresenta muita pressão sobre os graves e pouca definição para médios e agudos: ouça Katy Perry – Dark Horse e comprove! O Razer Electra possui drivers otimizados que fornecem maior profundidade e clareza aos graves, reforçando sua potência.

Em jogos de FPS, por exemplo, com muita explosão ou tiros, ele cumpre muito bem a sua função. Porém, para gamers experientes, que curtem outros estilos e gostam de ficar atentos a tudo que rola na tela, como passos e diálogos, o Razer Electra não é o mais apropriado. Para quem quiser testá-lo, o jogo Dead Space 3 é uma boa. O áudio do game apresenta níveis agudos, médios e baixos.

O microfone também não é o ideal para jogos; ele não fica em uma haste acoplada ao fone, e sim no próprio cabo. Com isso, a conversação entre os jogadores pode ser prejudicada, pelo fato do microfone não ficar próximo à boca do usuário. Em testes realizados com softwares de comunicação, o som ficou um pouco baixo, muitas vezes dificultando a compreensão do que se falava. Além disto, o cabo no qual vem com microfone embutido é de 3 pinos, ou seja, caso queira utilizar no computador, será necessário comprar um cabo que faz a conversão de uma saída para duas saídas: uma de áudio e outra para microfone; para smartphones isto não será necessário.

Já o ótimo isolamento do som é garantido por suas grossas almofadas, feitas de couro sintético, que mantêm as boas vibrações por perto e deixam os ruídos bem longe. Seja escutando música ou jogando, o áudio não “vaza”, isolando o áudio de quem estiver por perto. Assim também acontece ao contrário, onde você não escuta o som externo e consegue obter máxima imersão durante os jogos.

Destaques

O Electra merece destaque em vários quesitos: conforto, isolamento acústico e bons graves. Como fone gamer, o conforto é essencial para quem passa horas na frente do computador jogando. Suas conchas grandes de espumas e sua alça de espuma minimizam a pressão sobre a cabeça; já o isolamento acústico é outro item que merece um grande destaque: mesmo com sons graves de explosões e tiros ou batidas de rap e hip-hop, o fone não deixa escapar o áudio e quem estiver próximo a você dificilmente escutará.

No design, o Razer Electra também agrada. Com duas versões disponíveis, preto e verde ou totalmente preto, o layout simples e sem muitos traços espalhafatosos fazem do Electra um fone requintado e discreto, embora seja grande para sair na rua com ele na cabeça.

Embora curtos, o fone vem acompanhado de dois cabos com conectores gold plated que podem ser girados e travados no fone após conectá-los, evitando assim que qualquer puxada no fio venha desconectá-lo.

Poderia ser melhor

A Razer envia juntamente na caixa, um par de cabos de 1,30m, o que é muito curto para quem quer jogar em um computador desktop, por exemplo. Já quem utiliza para ouvir músicas em um dispositivo móvel não sofre com este problema. Um cabo serve apenas para ligar o fone ao dispositivo de áudio e o outro tem a mesma função, porém vem com um microfone embutido.

Quem deseja utilizar o fone para jogar e é acostumado a se comunicar com sua equipe sentirá falta do fone acoplado próximo a boca. Como o microfone embutido no fio para captura do áudio da boca é muito fraco, não é possível ouvir 100% da voz. Além disto, o fato do cabo com o microfone ser 3 pinos, é necessário um adaptador para transformar 1 saída em duas para utilizar o microfone.

A grande pergunta: Vale a pena?

O Headphone Razer Electra Black Edition tem alguns pontos a ser levado em consideração antes de adquirí-lo. Embora seu foco seja games, devido a seus graves exuberantes e seu cabo muito curto, tem boa indicação de utilização para ouvir músicas, principalmente em dispositivos móveis, como smartphones. Ainda assim, é possível utilizar o fone para jogos, principalmente os de ação, que possuem muitas explosões e tiros com sons vibrantes.

O acessório tem conforto de sobra tanto na alça que envolve a cabeça quanto nas conchas que vão nas orelhas, o que lhe permitirá passar horas sem sentir desconforto. Além disto, o isolamento acústico é ótimo para quem deseja privacidade e não quer compartilhar o que ouve.

Agora cabe a você decidir se vale a pena ou não comprá-lo. Leve em consideração qual será sua utilização principal, se para jogos ou músicas ou ainda, qual gênero de jogos e música será aplicado com maior frequência.

 

Galeria de Fotos

 


Headphone Razer Electra
7.6 Nossa Nota
Nota do Leitor - (0 votes)
Dê sua nota aqui
Prós
- Confortável
- Bom isolamento acústico
- Ergonômico e leve
- Tons graves exuberantes
Contras
- Sons médios e agudos pouco destacados
- Microfone pouco eficiente
- Cabo muito curto
Qualidade Sonora 7
Design e Forma 7
Conforto 9
Isolamento de Ruído 9
Custo x Benefício 6
Qualidade Sonora 0
Design e Forma 0
Conforto 0
Isolamento de Ruído 0
Custo x Benefício 0


APROVEITE: SHOPPING

ONDE COMPRAR


Consulte


Consulte


R$ 339,90


Consulte


Consulte


R$ 290,00

* Os preços informados acima podem ser alterados pelos anunciantes sem aviso prévio

OUTRAS OFERTAS

 




Você ainda pode aproveitar: